Portal IFNMG - Alunos do IFNMG são premiados em congresso regional de pesquisa e inovação Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Alunos do IFNMG são premiados em congresso regional de pesquisa e inovação

Publicado: Segunda, 14 de Maio de 2018, 12h11 | Última atualização em Sexta, 18 de Maio de 2018, 08h46
Acadêmicos Davi Custódio (de cinza) e Camila Oliveira (de rosa) durante recebimento da premiação no I CONPISUD
imagem sem descrição.

Entre os dias 8 e 10 de maio, 13 alunos do IFNMG que tiveram trabalhos premiados no Seminário de Iniciação Científica do Instituto participaram em São João da Barra, no Rio de Janeiro, do I Congresso de Pesquisa e Inovação do Sudestes (CONPISUD), evento promovido pelas 11 instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica do Sudeste do Brasil e este ano organizado pelo Instituto Federal Fluminense (IFF).

E dois acadêmicos do IFNMG foram além: ficaram com duas das três premiações destinadas a apresentações em pôster. Camila Marques Oliveira, do sétimo período do curso de Agronomia no Campus Januária, e Davi Custódio de Souza, do nono período de Medicina Veterinária do Campus Salinas ficaram, respectivamente, em primeiro e terceiro lugares, e receberam livros e brindes como premiação. 

davi conpisudCom orientação da técnica em agropecuária do Campus Salinas, Susi Cristina Martins e participação de mais três alunos, o trabalho apresentado por Davi foi “Avaliação dos valores de FDN e FDA em silagem de cana-de-açúcar aditivada com diferentes aditivos e inoculantes biológicos”, que consistiu, segundo o estudante, em um experimento com diferentes aditivos para possibilitar a utilização da silagem de cana-de-açúcar sobretudo em períodos de seca, que são recorrentes na região. “A silagem da cana-de-açúcar é muito utilizada, mas muitas vezes, por falta de conhecimento mais aprofundado, ela é perdida pelo próprio processo de fermentação alcoolica. Então com esses aditivos buscamos melhorar a qualidade deste produto para fornecimento adequado aos animais”, disse Davi destacando que este procedimento pode contribuir em muito com os pequenos produtores da região. No SIC, o trabalho ficou em primeiro lugar na categoria apresentação oral da área de ciências agrárias.

O outro trabalho premiado, apresentado por Camila, foi “Característica de carcaça e qualidade da carne de vacas nelores confinadas com dietas sem volumoso”, desenvolvido em Januária com outros alunos e com orientação do professor e pró-reitor de pesquisa, pós-graduação e inovação, Rogério Mendes Murta. Segundo a acadêmica, o trabalho surgiu de uma demanda de produtores rurais da região do Norte de Minas Gerais, que encontraram dificuldades na produção de alimentos volumosos para compor as dietas bovinas em épocas de déficit hídrivo. "Partindo desse princípío, o trabalho teve como objetivo buscar opções de dietas sem volumoso para alimentação destes animais durante este período crítico, tendo como principa alimento para essa substituição o grão de milho íntegro", explica Camila.

camila conpisudSegundo Camila, a participação no Congresso foi uma experiência muito enriquecedora. “Além de expor nosso trabalho para pesquisadores de vários Institutos Federais, conseguimos conhecer projetos e experiências que não são muito realizados na nossa região”, disse Camila, que destacou que participar de projetos e trabalhos de iniciação científica mudou a sua mentalidade. “Ficamos mais críticos, mais proativos, temos mais abertura ao mundo, com visão ampliada inclusive de como podemos contribuir para melhorar a realidade da nossa região”.

conpisud 1 copiar

Comitiva de estudantes de cinco campi do IFNMG, junto com o pró-reitor de pesquisa, pós-graduação e inovação, Rogério Mendes Murta, e do servidor Walter Dimas Brito, que os acompanhou na viagem

Fim do conteúdo da página