Portal IFNMG - Histórico Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Histórico

Publicado: Terça, 17 de Novembro de 2009, 11h38 | Última atualização em Quarta, 26 de Janeiro de 2011, 14h37

 

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais – Campus Arinos, foi criado mediante integração do Centro Federal de Educação Tecnológica Januária e da Escola Agrotécnica Federal Salinas. Está localizado no município de Arinos, no noroeste do Estado de Minas Gerais, distante 250 km de Brasília, 700 km de Belo Horizonte e a 720 km de Montes Claros, abrangendo um território formado por 11 municípios: Arinos, Bonfinópolis de Minas, Buritis, Cabeceiras – GO, Chapada Gaúcha, Formoso, Pintópolis, Riachinho, São Romão, Uruana de Minas e Urucuia, com uma área de 45.000 km2 e uma população aproximada de 290.000 habitantes..

Às margens do Rio Urucuia e com uma vontade extrema de melhoria na qualidade de vida surge em 2007 uma proposta para implantação de novas Unidades Federais de Educação. Através do edital de chamada pública MEC/SETEC nº 001/2007, sagra-se vencedora a proposta apresentada pelo Município de Arinos em parceria firmada com os municípios da região. Com a contrapartida obrigatória firmada, a Prefeitura de Arinos e a Agência de Desenvolvimento Integrado e Sustentável do Vale do Rio Urucuia doaram uma fazenda com uma infraestrutura produtiva e área total de 61 hectares, no Km 407, da rodovia MG 202 Arinos-Buritis para funcionamento da Sede Administrativa e Pedagógica do IF – Campus Arinos.

Em convênio com as Secretarias Estadual e Municipal de Educação, foram contratados professores e técnicos administrativos para que se desse início ao período letivo em fevereiro de 2009. A Secretaria Municipal de Educação cedeu instalações físicas para o funcionamento de 4 turmas na Escola Municipal João Gontijo Ferreira. Em julho de 2009 houve concurso público para provimento de cargos efetivos de docentes e em agosto de 2009 o concurso para técnicos administrativos. Após homologação, houve ato de nomeação e, a partir de outubro de 2009, os professores aprovados no referido concurso entraram em exercício.

No 2º semestre de 2009 foram totalizadas 06 turmas com mais de 200 alunos da região nos cursos técnicos em agropecuária e informática. Com referência ao segundo exame de seleção, foram oportunizadas novas matrículas para os cursos técnicos em Agropecuária, Informática e Administração nas modalidades integrado, concomitante e subsequente e, em curto prazo, cursos superiores, visando ao cumprimento do plano de metas do governo federal de atendimento a 1200 alunos da região.
Fim do conteúdo da página