Portal IFNMG - Equipe do IFNMG leva informática básica a 674 profissionais por meio de laboratório móvel Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
Publicado: Quinta, 20 de Dezembro de 2012, 16h14 | Última atualização em Quinta, 20 de Dezembro de 2012, 16h18

Após percorrer cerca de quatro mil quilômetros e visitar 11 cidades da área de influência do IFNMG, levando capacitação em informática a profissionais da educação básica das redes públicas municipais, o laboratório móvel do Instituto encerra, amanhã, dia 21, as atividades deste ano, na cidade de Virgem da Lapa. O projeto resultou de uma parceria, firmada em agosto deste ano, com a Associação dos Municípios da Área Mineira da Sudene (Amams).

A trajetória do laboratório móvel começou em Itacarambi, no dia 10 de setembro. Depois, passou também por Patis, São Francisco, Arinos, Buritizeiro, Bocaiuva, Diamantina, Grão Mogol, Jequitinhonha e Almenara. A escolha dos municípios visitados levou em consideração o índice de desenvolvimento humano (IDH) e a proximidade em relação aos campi do Instituto.

Professores, gestores e outros profissionais da educação básica foram capacitados

No total, foram capacitadas 674 pessoas - entre professores, gestores e outros profissionais da educação básica - em todos os municípios visitados. Eles participaram do curso de informática básica, de curta duração (20 horas).

O projeto investe, portanto, naquilo que o pró-reitor de Extensão do IFNMG, professor Paulo César Pinheiro de Azevedo, julga ser o grande desafio de nosso país: a qualidade da educação básica. “Vivemos, hoje, no Brasil, um momento de desenvolvimento que aponta cada vez mais na direção do pleno emprego e, em consequência, a urgente necessidade de formarmos profissionais qualificados para atuar em um mundo globalizado e cada vez mais exigente”, acrescenta.

 

Trabalho de equipe

Para ofertar os cursos, revezaram-se no atendimento ao laboratório móvel, como coordenadores técnicos, professores e motoristas, servidores de todos os campi e da Reitoria do IFNMG. A coordenação geral do projeto ficou sob a responsabilidade da Pró-Reitoria de Extensão.

O diretor-geral do Campus Araçuaí, João Motta (esq.), e os servidores responsáveis pelo curso em Virgem da Lapa

Com equipamentos de última geração e capacidade para atender 30 alunos, a unidade móvel vem ao encontro da necessidade do Instituto de melhorar o atendimento e a acessibilidade ao grande número de alunos distribuídos na imensa área territorial de sua abrangência.

 

 

Fim do conteúdo da página